Pesquisar por:

O que é o DHCP e para que serve?

No mundo da tecnologia de redes, gerir eficientemente endereços IP é essencial para garantir que todos os dispositivos conectados possam comunicar-se corretamente. É aqui que entra o Dynamic Host Configuration Protocol (DHCP), uma ferramenta fundamental para qualquer rede moderna. Este artigo explora o que é, como funciona e a sua importância na gestão de redes.

DHCP


O que é o DHCP?

O Protocolo de Configuração Dinâmica de Host, conhecido como DHCP, é um protocolo de rede que atribui automaticamente endereços IP e outras configurações de rede a dispositivos. Em vez de configurar manualmente cada dispositivo com um endereço IP único, o protocolo automatiza este processo, facilitando a administração da rede e reduzindo o risco de conflitos de endereço IP.

Como Funciona?

O DHCP opera através de um modelo cliente-servidor. Quando um dispositivo (cliente) se conecta à rede, envia um pacote DHCPDISCOVER para localizar um servidor disponível. Em resposta, o servidor DHCP envia um pacote DHCPOFFER, que contém um endereço IP disponível e outras configurações de rede. Posteriormente, o cliente responde com um pacote DHCPREQUEST, solicitando o endereço IP oferecido pelo servidor. Por fim, o servidor confirma a atribuição do endereço IP enviando um pacote DHCPACK ao cliente.

Este ciclo de comunicação garante que cada dispositivo na rede obtenha um endereço IP único e as configurações necessárias para se comunicar eficazmente.

Benefícios

Utilizar este protocolo traz vários benefícios significativos. Primeiramente, automatiza a atribuição de endereços IP, reduzindo a necessidade de intervenção manual e minimizando erros. Além disso, permite a administração centralizada de endereços IP e outras configurações de rede, facilitando a gestão. Ademais, melhora a eficiência na utilização de endereços IP, garantindo que os endereços não são desperdiçados.

Aplicações

O DHCP é utilizado em diversas situações. Em redes domésticas, o router geralmente funciona como servidor, gerindo automaticamente os endereços IP para todos os dispositivos conectados, como computadores, smartphones e dispositivos IoT. Em ambientes empresariais, o protocolo simplifica a gestão de grandes volumes de dispositivos, desde computadores e impressoras até smartphones e tablets, garantindo que todos têm um endereço IP único e válido. Hotspots públicos, como cafés e aeroportos, também dependem deste protocolo para gerir a atribuição de endereços IP aos dispositivos dos clientes, permitindo uma conexão rápida e sem complicações.

Melhores Práticas para Configuração

Para garantir um funcionamento eficiente, deve-se reservar endereços IP para dispositivos que requerem endereços IP estáveis, como servidores e impressoras. Ajustar o tempo de lease (período pelo qual um endereço IP é atribuído a um dispositivo) de acordo com a natureza da rede também é importante. Em redes com alta rotatividade de dispositivos, intervalos mais curtos podem ser mais eficientes. Implementar medidas de segurança para proteger o servidor contra ataques, como o uso de firewalls e a segmentação de rede, é igualmente essencial.

O Futuro do DHCP

Com o crescimento contínuo da Internet das Coisas (IoT) e a expansão das redes domésticas e empresariais, este protocolo continuará a ser uma tecnologia crucial. A sua capacidade de simplificar a gestão de endereços IP e configurações de rede fará com que continue a ser uma escolha preferida para administradores de rede em todo o mundo.

Em resumo, o Protocolo de Configuração Dinâmica de Host é uma ferramenta indispensável na gestão de redes modernas. Automatizar a atribuição de endereços IP e outras configurações de rede não só simplifica a administração da rede, mas também melhora a eficiência e reduz a possibilidade de erros. Portanto, compreender o que é este protocolo e para que serve é essencial para qualquer pessoa envolvida na configuração e manutenção de redes de computadores.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

O que é uma VPN, o que faz e para que preciso dela?

Uma VPN (Virtual Private Network) é uma tecnologia que cria uma conexão segura e encriptada entre o seu dispositivo e a internet. Esta conexão é estabelecida através de um servidor intermediário que atua como um túnel, protegendo os seus dados contra ameaças externas e garantindo a sua privacidade online.

VPN (Virtual Private Network)


Funções de uma VPN

  1. Privacidade: Ao utilizar uma VPN, o seu endereço IP é mascarado, o que impede que terceiros, como hackers ou anunciantes, rastreiem a sua atividade online.
  2. Segurança: Uma VPN encripta os seus dados, tornando-os ilegíveis para qualquer pessoa que tente interceptá-los. Isto é especialmente útil ao usar redes Wi-Fi públicas, que são notoriamente inseguras.
  3. Acesso a Conteúdos Restritos: As VPNs permitem que aceda a conteúdos que podem estar bloqueados na sua localização geográfica. Isto inclui serviços de streaming, websites censurados e redes sociais.

Como é que uma VPN pode ajudar na navegação da Internet?

Ao navegar na internet, a utilização de uma VPN oferece várias vantagens significativas:

  1. Proteção de Dados: Uma VPN protege os seus dados pessoais e financeiros ao navegar ou realizar transações online. Esta proteção é crucial para evitar roubo de identidade e fraudes.
  2. Anonimato Online: A VPN esconde o seu verdadeiro endereço IP, tornando difícil para websites e serviços online rastrearem as suas atividades e localização.
  3. Evitar Restrição de Banda: Alguns provedores de internet limitam a sua velocidade de conexão com base no tipo de conteúdo que está a consumir. Uma VPN pode evitar esta limitação, garantindo uma navegação mais rápida e sem interrupções.
  4. Acesso Global: Com uma VPN, pode simular que está a navegar a partir de outra localização geográfica. Isto é útil para aceder a conteúdos disponíveis apenas em determinados países.

Quais as melhores VPN’s do mercado?

Existem várias VPNs no mercado, cada uma com características e preços diferentes. Algumas das melhores VPNs incluem:

  1. ExpressVPN: Conhecida pela sua velocidade e segurança, a ExpressVPN é uma escolha popular. Oferece uma ampla rede de servidores em mais de 90 países e possui uma política rigorosa de não registo.
  2. NordVPN: Outra VPN altamente recomendada, a NordVPN oferece recursos avançados de segurança, como o Double VPN, que encripta os seus dados duas vezes. Também possui uma política de não registo e oferece servidores especializados para diferentes necessidades.
  3. CyberGhost: Esta VPN é fácil de usar e oferece uma excelente relação qualidade/preço. Possui servidores otimizados para streaming e torrenting, além de uma forte política de privacidade.
  4. Surfshark: Uma opção mais económica, mas igualmente robusta. A Surfshark permite conexões ilimitadas e oferece recursos como o CleanWeb, que bloqueia anúncios e malware.

As VPN’s do Antivirus são boas?

Muitos softwares antivirus incluem VPNs como parte do seu pacote de segurança. Embora estas VPNs possam ser úteis, geralmente não são tão avançadas ou robustas quanto os serviços VPN dedicados. No entanto, para utilizadores que procuram uma solução simples e integrada, as VPNs do antivirus podem ser uma opção viável.

  1. Conveniência: A principal vantagem das VPNs incluídas no software antivirus é a conveniência de ter uma solução de segurança tudo-em-um. Isto simplifica a gestão das suas ferramentas de segurança.
  2. Funcionalidade Básica: Estas VPNs geralmente oferecem funcionalidade básica suficiente para navegação segura e proteção contra ameaças comuns. No entanto, podem faltar alguns recursos avançados, como servidores especializados ou encriptação dupla.
  3. Limitações: Algumas VPNs de antivirus podem ter limites de dados ou menos opções de servidores. Isto pode não ser ideal para utilizadores que necessitam de alta velocidade ou que pretendem aceder a conteúdos específicos de diferentes países.


Resumindo, uma VPN é uma ferramenta essencial para proteger a sua privacidade e segurança online. Desde mascarar o seu endereço IP até encriptar os seus dados, uma VPN oferece múltiplos benefícios para uma navegação mais segura e sem restrições. Embora existam muitas VPNs no mercado, escolher uma com uma boa reputação, como a ExpressVPN ou a NordVPN, pode garantir uma melhor experiência. As VPNs fornecidas pelos softwares antivirus também podem ser úteis, mas é importante estar ciente das suas limitações. Investir numa VPN de qualidade é um passo importante para proteger a sua presença digital na era moderna.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

Requisitos do Windows 11 que fazem com que não seja Suportado em Hardware mais Antigo

A chegada do Windows 11 trouxe várias inovações e melhorias significativas em termos de desempenho, segurança e usabilidade. No entanto, uma das questões mais debatidas é a exigência de hardware mais recente para suportar este novo sistema operativo. Muitos utilizadores têm encontrado dificuldades em atualizar os seus dispositivos mais antigos para o Windows 11 devido aos novos requisitos de hardware estabelecidos pela Microsoft. Neste artigo, exploramos os principais motivos que fazem com que o Windows 11 não seja compatível com hardware mais antigo, focando-nos nos aspetos de segurança, desempenho e compatibilidade.

Requisitos do Windows 11


Requisitos de Segurança do Windows 11

Um dos principais motivos para a incompatibilidade do Windows 11 com hardware mais antigo é a ênfase da Microsoft em reforçar a segurança. O Windows 11 exige o suporte para TPM 2.0 (Trusted Platform Module), um chip de segurança que fornece funções de criptografia em nível de hardware. Este componente é essencial para recursos como o Windows Hello e BitLocker, que protegem os dados e a privacidade dos utilizadores.

Os dispositivos mais antigos muitas vezes não possuem TPM 2.0, ou têm versões anteriores do TPM que não são compatíveis com o Windows 11. A exigência do TPM 2.0 garante que os sistemas operem num ambiente mais seguro, protegendo contra ameaças cada vez mais sofisticadas.

Processadores Compatíveis

Outro requisito crucial do Windows 11 é a compatibilidade com processadores modernos. A Microsoft estabeleceu uma lista de CPUs suportadas que inclui apenas processadores de última geração, como Intel Core de 8ª geração ou superior e AMD Ryzen 2000 ou superior. Estes processadores oferecem melhorias significativas em termos de desempenho e eficiência energética, permitindo uma experiência de utilizador mais fluida e rápida.

Os processadores mais antigos podem não suportar certas funcionalidades avançadas do Windows 11, como o novo design de interface e as atualizações de multitarefa. Além disso, os processadores mais recentes incluem instruções específicas e otimizações de segurança que são fundamentais para a execução do Windows 11.

UEFI e Secure Boot

O Windows 11 também requer UEFI (Unified Extensible Firmware Interface) com Secure Boot habilitado. UEFI é uma interface moderna entre o sistema operativo e o firmware do hardware, substituindo o antigo BIOS. O Secure Boot impede que software não autorizado ou malicioso seja executado durante o processo de arranque do sistema, melhorando a segurança desde o início.

Muitos computadores mais antigos ainda utilizam o BIOS legacy e não suportam UEFI com Secure Boot, tornando-os incompatíveis com o Windows 11. A transição para UEFI é essencial para garantir que o sistema operativo possa tirar proveito de todas as melhorias de segurança e desempenho oferecidas pelo Windows 11.

DirectStorage e Outros Recursos Avançados

O Windows 11 introduz o DirectStorage, uma tecnologia que permite tempos de carregamento mais rápidos e experiências de jogo mais fluidas ao descarregar parte do processamento de dados do CPU para o SSD. Para utilizar o DirectStorage, é necessário ter um SSD NVMe, que muitos dispositivos mais antigos não possuem.

Além disso, o Windows 11 requer suporte para gráficos DirectX 12 e uma tela compatível com HDR (High Dynamic Range), o que melhora significativamente a qualidade visual e a performance gráfica. Estes requisitos avançados garantem que os utilizadores possam desfrutar plenamente das novas capacidades multimédia e de jogos do Windows 11, mas limitam a compatibilidade com hardware mais antigo.

O meu PC Windows 10 deixará de funcionar?

Não. O seu PC continuará a funcionar; no entanto, o suporte para o Windows 10 será descontinuado. Após 14 de outubro de 2025, o seu PC Windows 10 deixará de receber atualizações de segurança e a Microsoft deixará de fornecer suporte técnico para o Windows 10. Portanto, enquanto o seu dispositivo continuará a funcionar, deixará de ser seguro utilizá-lo sem as atualizações regulares de segurança.

Em suma, os requisitos de hardware do Windows 11 foram estabelecidos para garantir que o novo sistema operativo ofereça as melhores melhorias em termos de segurança, desempenho e usabilidade. No entanto, isso significa que muitos dispositivos mais antigos não serão compatíveis devido à falta de suporte para TPM 2.0, processadores modernos, UEFI com Secure Boot e outros recursos avançados. Embora isso possa ser decepcionante para alguns utilizadores, esses requisitos são essenciais para proporcionar uma experiência de utilizador mais segura e eficiente no ambiente digital atual.

Se o seu dispositivo não é compatível com o Windows 11, pode ser uma boa altura para considerar uma atualização de hardware para aproveitar todas as novas funcionalidades e melhorias que este sistema operativo tem a oferecer.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

A Nova Geração de Portáteis com IA: Copilot+ e Processadores Qualcomm

A indústria de computadores portáteis está a passar por uma revolução, impulsionada pela combinação de inteligência artificial (IA) e processadores avançados. A Microsoft, em parceria com fabricantes como HP, Acer, Lenovo, Samsung, Asus e Dell, está a liderar essa transformação. Neste artigo, exploraremos como a nova geração de portáteis está a ligar a IA ao hardware e como isso está a renovar o Windows.

Nova Geração Portáteis


Copilot+ e Processadores Qualcomm

O Copilot+ atualmente é um design de referência da Microsoft que incorpora inteligência artificial nos portáteis. Pois agora, essa tecnologia está sendo combinada com os processadores Snapdragon X Elite da Qualcomm. Esses chips, baseados na arquitetura ARM, oferecem um desempenho excepcional e eficiência energética melhorada. A parceria entre a Microsoft e a Qualcomm resultou numa nova categoria de computadores que integram a IA diretamente ao nível do hardware.

Benefícios dos Novos Portáteis

  1. Desempenho Aprimorado: Os portáteis Copilot+ são 58% mais rápidos do que os MacBook Air da Apple equipados com processadores M3. Isto significa maior produtividade e capacidade de resposta para os utilizadores.
  2. Bateria Duradoura: A Microsoft promete que a bateria desses novos portáteis durará pelo menos o dia todo. Embora não tenhamos detalhes específicos, esta é uma ótima notícia para quem está sempre em movimento.
  3. Inteligência Artificial Integrada: Os chips NPUs (unidades de processamento neuronal) presentes nos processadores Snapdragon X Elite são otimizados para executar modelos de linguagem de grande escala. Isso permite que os portáteis executem tarefas de IA com eficiência e rapidez.

Novas Funcionalidades no Windows

Além dos novos portáteis, a Microsoft também está introduzindo novas funcionalidades no Windows:

  1. Edição de Texto e Imagem: O sistema operativo agora oferece ferramentas avançadas para edição de texto e imagem, tornando o trabalho mais eficiente para os utilizadores finais.
  2. Otimização de Software: Softwares populares, como Adobe, Davinci Resolve e Capcut, foram otimizados para funcionar perfeitamente nos portáteis Copilot+.

Em suma, a nova geração de portáteis com IA está pois a redefinir a experiência do utilizador. Por causa da combinação do Copilot+ e dos processadores Qualcomm, a Microsoft está a pavimentar o caminho para um futuro mais inteligente e eficiente. Prepare-se para uma revolução nos computadores portáteis!

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

Android 15: Bateria Mais Durável, IA Aprimorada e Novidades para Desenvolvedores

O Android 15, a próxima versão do sistema operativo móvel da Google, está em pleno desenvolvimento e promete trazer diversas novidades aos utilizadores e programadores. Uma das funcionalidades mais aguardadas é a gestão de bateria aprimorada, que garante até 3 horas adicionais de utilização do smartphone.

android 15


Bateria Duradoura com o Android 15

Num mundo cada vez mais conectado, a bateria do nosso smartphone é um recurso precioso. O Android 15 reconhece essa necessidade e implementa uma série de otimizações que garantem um consumo de energia mais eficiente.

Uma das principais mudanças é a maior rapidez com que o seu telefone entra no modo “doze”, um estado de baixo consumo de energia que é ativado quando o dispositivo não está em uso. Isso significa que o seu smartphone consumirá menos bateria quando estiver no seu bolso ou na sua mesa, resultando em até 3 horas adicionais de utilização.

Novidades para Desenvolvedores no Android 15

A Google também está focada em oferecer aos programadores novas ferramentas e APIs que lhes permitam criar apps mais eficientes e inovadoras. Na I/O, a conferência anual de desenvolvedores da Google, foram reveladas diversas funcionalidades que serão disponibilizadas no Android 15.

Uma das novidades mais interessantes é a API de otimização de bateria, que permite aos programadores otimizar o consumo de energia das suas apps. Isso significa que as apps poderão ser mais eficientes e consumir menos bateria, resultando em uma melhor experiência para os utilizadores.

Com Foco em IA

O Android 15 também traz diversas novidades relacionadas à inteligência artificial (IA). Uma das funcionalidades mais destacadas é a nova API de IA on-device, que permite aos programadores executar tarefas de IA diretamente no smartphone, sem a necessidade de enviar dados para a nuvem.

Isso significa que as apps poderão ser mais rápidas, seguras e privadas, pois os dados dos utilizadores não sairão do seu dispositivo. A API de IA on-device também abre novas possibilidades para a criação de apps inovadoras, como tradutores em tempo real e assistentes virtuais mais inteligentes.

Conclusão

O Android 15 promete ser uma atualização significativa, com diversas novidades que beneficiarão tanto os utilizadores como os programadores. A gestão de bateria aprimorada, as novas ferramentas para desenvolvedores e o foco em IA são apenas alguns dos destaques. Com o lançamento do Android 15, podemos esperar uma experiência móvel ainda mais eficiente, inovadora e segura.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

E Ink: A Tinta Eletrónica que Aproxima o Digital do Mundo dos Livros

Num mundo cada vez mais dominado pelo digital, a tecnologia E Ink surge como uma ponte inusitada, conectando o universo dos livros físicos aos dispositivos eletrônicos. Essa tecnologia revolucionária, conhecida também como tinta eletrónica, permite que os leitores desfrutem da experiência de leitura em um formato digital, preservando a sensação familiar e confortável do papel.


E Ink reader


O que é a tecnologia E Ink?

Imagine microcápsulas minúsculas preenchidas com pigmentos pretos e brancos, dançando ao ritmo de campos elétricos. Essa é a essência da E Ink: uma tecnologia de exibição que simula a aparência da tinta em papel. Ao aplicar uma corrente elétrica, as cápsulas giram, revelando o pigmento desejado e criando a imagem no ecrã.


E Ink e os e-Readers:

Os e-readers, como o Amazon Kindle e o Kobo, são os maiores beneficiários desta tecnologia. Esses dispositivos oferecem uma experiência de leitura similar à de um livro tradicional, com a vantagem da portabilidade e da capacidade de armazenar milhares de livros num único dispositivo.

kobo e ink reader


E Ink: Além dos e-Readers, um Universo de Possibilidades:

A aplicação desta tecnologia não se limita aos e-readers. A TCL, por exemplo, já possui dispositivos com tecnologia de papel eletrónico em sua gama NXTPAPER, presente em tablets e smartphones. Essa expansão demonstra a versatilidade desta tecnologia e o seu potencial para integrar o mundo digital em diversos formatos.

E Ink: Uma Marca e uma Tecnologia com História:

Embora o termo “e-ink” seja frequentemente utilizado de forma genérica para se referir à tinta eletrónica, na verdade, ele é uma marca registrada da empresa E Ink Corporation. Fundada em 1997 por estudantes do MIT, foi pioneira no desenvolvimento da tecnologia e continua a ser líder no mercado.

Ecrãs E Ink para Dispositivos Móveis: Um Mercado em Crescimento

O mercado de ecrãs deste tipo para dispositivos móveis está em franca expansão. Em 2022, a Xiaomi anunciou o tablet Note E-Ink, com display de 10,3 polegadas e caneta para anotações. Essa iniciativa demonstra o potencial da tecnologia para integrar a experiência de leitura em dispositivos portáteis, expandindo ainda mais suas aplicações.

Conclusão:

A tecnologia E Ink representa um marco na forma como consumimos conteúdo digital. Ao aproximar os dispositivos eletrónicos do universo dos livros, a E Ink oferece uma experiência de leitura mais natural e confortável, abrindo caminho para novas possibilidades de interação com o mundo digital. Num mundo cada vez mais digitalizado, esta é a ponte que nos conecta ao prazer da leitura tradicional.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

F-Secure mantém-no seguro!

Na era digital de hoje, não podemos subestimar a importância de uma cibersegurança robusta. À medida que conectamos mais aspectos das nossas vidas online, desde operações bancárias e compras até interações sociais e trabalho, proteger a nossa pegada digital torna-se crucial. É aqui que entra o F-Secure – o seu parceiro de confiança em cibersegurança. Líder na indústria de cibersegurança, oferece soluções abrangentes projetadas para garantir que as suas atividades online sejam seguras e privadas. Com décadas de experiência na defesa contra ameaças cibernéticas, o F-Secure combina tecnologia avançada e interfaces de fácil utilização para fornecer segurança incomparável.

Proteção Multi-dispositivos: Com uma subscrição, pode proteger todos os seus dispositivos, seja em Windows, macOS, Android ou iOS. Esta abordagem unificada garante que nenhuma parte da sua vida digital fique vulnerável.

Controlos Parentais: Proteja a sua família com controlos parentais avançados que ajudam a gerir o acesso ao conteúdo, garantindo uma experiência de navegação segura para os utilizadores mais jovens.

Proteção em Tempo Real: Oferece proteção contínua em tempo real contra vírus, malware, ransomware e outras ameaças online, atualizando automaticamente para se defender contra as últimas ameaças sem abrandar os seus dispositivos.

O F-Secure TOTAL é a solução tudo-em-um projetada para lhe dar tranquilidade no complexo mundo da internet. Ao integrar antivírus e segurança na internet, destaca-se como um mecanismo de defesa abrangente contra as crescentes ameaças no panorama cibernético.

Num mundo em que as ameaças cibernéticas estão em constante evolução, o F-Secure TOTAL permanece na vanguarda da cibersegurança, oferecendo soluções de ponta para manter você e sua família seguros online. Com a sua interface fácil de usar e tecnologia avançada, o F-Secure TOTAL proporciona tranquilidade, permitindo-lhe navegar pelo mundo digital com confiança. Não comprometa a sua segurança – escolha o F-Secure TOTAL hoje e mantenha-se protegido contra as ameaças em constante mudança da internet.

Pode verificar todos os produtos F-Secure disponíveis AQUI

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

As passwords mais hackeadas em 2024: a sua segurança online está em risco?

Num mundo cada vez mais digital, a segurança online torna-se uma preocupação constante. As passwords são a principal linha de defesa contra acessos não autorizados às nossas contas, e escolher passwords fortes e únicas é crucial para proteger os nossos dados pessoais e financeiros.

No entanto, muitos utilizadores ainda optam por senhas fáceis de adivinhar, como “123456” ou o nome do seu animal de estimação, tornando-os alvos fáceis para hackers.

Com base em relatórios de segurança e pesquisas de empresas especializadas, podemos identificar as senhas mais hackeadas em 2024. Será que a sua está na lista?

As 10 passwords mais hackeadas em 2024:

  1. 123456
  2. password
  3. 123456789
  4. qwerty
  5. 12345678
  6. iloveyou
  7. 123123
  8. football
  9. 1234
  10. admin

Outras senhas comuns que devem ser evitadas:

  • Nome completo
  • Data de nascimento
  • Número de telefone
  • Morada
  • Palavras do dicionário
  • Combinações de teclas sequenciais

Como criar passwords fortes e seguras:

  • Utilize pelo menos 12 caracteres: Quanto mais longa a senha, mais difícil será para adivinhar.
  • Combine letras maiúsculas e minúsculas, números e símbolos: Isso torna a senha mais complexa e menos suscetível a ataques de força bruta.
  • Evite usar passwords iguais em diferentes contas: Se uma das suas senhas for comprometida, todas as suas contas que usam a mesma senha podem estar em risco.
  • Utilize um gestor de passwords: Um gestor de senhas pode ajudá-lo a criar e armazenar senhas fortes e únicas para todas as suas contas.

Dicas adicionais para aumentar sua segurança online:

  • Ative a autenticação de dois fatores (2FA): A 2FA adiciona uma camada extra de segurança às suas contas, exigindo um código adicional além da sua senha para fazer login.
  • Mantenha o software antivírus e anti-malware atualizado: Proteja o seu computador contra malware e vírus que podem roubar as suas senhas.
  • Tenha cuidado ao clicar em links e abrir anexos em emails: Phishing é uma técnica comum usada por hackers para roubar senhas e outras informações confidenciais.
  • Mantenha-se atualizado sobre as últimas ameaças à segurança online: Leia blogs e sites de segurança para se manter informado sobre as últimas ameaças e vulnerabilidades.

Lembre-se: a sua segurança online está nas suas mãos. Ao seguir estas dicas simples, você pode proteger as suas passwords e os seus dados pessoais contra hackers.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui