Google Quer Salvar Computadores Sem Suporte a Windows 10 e “Transformá-los” em Chromebooks

Prolongando a Vida dos Computadores com o ChromeOS

Google está empenhada em prolongar a vida útil dos computadores que ficam sem suporte para o Windows 10. A estratégia? Transformá-los em Chromebooks. Com o fim das atualizações e suporte técnico do Windows 10 previsto para 14 de outubro de 2025, muitos computadores poderiam ser considerados obsoletos. No entanto, a Google tem uma solução para evitar que esses dispositivos sejam descartados.

ChromeOS a salvar um portátil do fim de vida devido ao Windows 11

O Fim do Suporte ao Windows 10

O Windows 10, um dos sistemas operativos mais populares, está a caminho do seu fim. A Microsoft já delineou o calendário para encerrar o suporte, mesmo com um programa adicional pago previsto até 2028. No entanto, isso não significa que os computadores incompatíveis com a atualização para o Windows 11 estejam condenados.

A Iniciativa da Google

A Google pretende resgatar esses computadores, especialmente os de âmbito empresarial. A ideia é permitir que as empresas instalem uma versão atualizável automaticamente do ChromeOS. Essa abordagem evitará que milhões de computadores sejam descartados com o fim do suporte ao Windows 10. Afinal, o abandono do Windows 10 poderia resultar em 240 milhões de computadores sendo jogados no lixo, gerando 480 milhões de quilos de desperdício eletrónico.

ChromeOS Flex: A Solução da Google

ChromeOS Flex é a chave para essa transformação. A Google compromete-se a manter atualizações regulares de segurança e funcionalidades de encriptação de dados nesse sistema operativo. Assim, os utilizadores podem manter os seus computadores mesmo sem acesso ao Windows 10. Além disso, a Google está a trabalhar na compatibilidade com aplicações antigas do Windows e ferramentas de produtividade utilizadas pelas empresas. O ChromeOS pode até permitir o streaming de aplicações “legacy” do Windows a partir de centros de dados.

A Luta pelo Mercado

Com essa iniciativa, a Google está a tentar ganhar quota de mercado nos sistemas operativos. Atualmente, o ChromeOS detém apenas 1,8% de quota nos sistemas operativos para desktops a nível global, enquanto o Windows domina com uma fatia de 73% do mercado.

Em resumo, a Google está a dar uma segunda vida aos computadores, transformando-os em Chromebooks e contribuindo para reduzir o desperdício eletrónico. Uma abordagem inteligente que pode beneficiar tanto os utilizadores como o ambiente.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui


Discover more from PC ASSISTE

Subscribe to get the latest posts to your email.