Está a preparar as compras da Black Friday? Cuidado com as apps maliciosas, sites falsos e phishing

Além de apps maliciosas, os especialistas da Cipher alertam para as estratégias de ataque mais comuns no período de descontos e promoções da Black Fridaym incluindo websites falsos, anúncios maliciosos e phishing.

É já na próxima sexta-feira, dia 24 de novembro, que se assinala a Black Friday. Entre a “loucura” dos descontos e promoções também se escondem ameaças e a Cipher, a divisão de cibersegurança do Grupo Prosegur, alerta para a proliferação de apps maliciosas.

De acordo com os especialistas, os criadores de apps maliciosas aproveitam ocasiões como a Black Friday, ou até a Cyber Monday, para atrair mais tráfego e aumentar o número de downloads. A par das apps maliciosas, a Cipher alerta que entre as estratégias de ataque mais comuns neste período estão a falsificação de websites, o malvertising e o phishing.

A clonagem de websites legítimos é uma das técnicas frequentemente utilizadas pelos cibercriminosos para recolher informação pessoal das vítimas, assim como credenciais e dados bancários. Os dados roubados são vendidos em fóruns na Dark Web, ou então utilizados em ataques de engenharia social. 

No que toca ao malvertising, os cibercriminosos recorrem a anúncios online para distribuir software malicioso ou redirecionar o tráfego dos utilizadores. A Cipher explica que, nestes casos, os hackers introduzem anúncios “contaminados” em redes legítimas de publicidade que apresentam anúncios em websites de confiança

Durante épocas como a Black Friday é comum receber um maior número de emails e mensagens SMS relativas às promoções e descontos das marcas. É muito comum os cibercriminosos aproveitarem este cenário para recorrerem a táticas de phishing e “disfarçarem” mensagens fraudulentas. 

Com a probabilidade do aumento das fraudes durante a Black Friday, a Cipher recomenda aos consumidores que tenham a máxima atenção, especialmente quando procuram ofertas em setores como a tecnologia, a moda e os acessórios”, indicam os especialistas.

Fonte: tek.sapo.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui


Discover more from PC ASSISTE

Subscribe to get the latest posts to your email.