Pesquisar por:
Atualização do Windows para Resolver Falha de Segurança no Wi-Fi: Proteja sua Rede!

Uma falha de segurança crítica no Wi-Fi foi recentemente descoberta no Windows, afetando diversas versões do sistema operativo. Essa falha pode permitir que hackers interceptem e manipulem seu tráfego de internet, colocando seus dados e privacidade em risco.

Atualização do Windows para Resolver Falha de Segurança no Wi-Fi

A Microsoft já lançou uma atualização de segurança para corrigir essa falha, e é altamente recomendável que todos os utilizadores do Windows a instalem o mais rápido possível.

Neste artigo, explicaremos em detalhes a importância dessa atualização, como verificar se você está vulnerável e como instalar a atualização de segurança.

O que é a falha de segurança no Wi-Fi do Windows?

A falha de segurança, denominada “CVE-2023-42204”, permite que hackers explorem uma vulnerabilidade no protocolo WPA3, utilizado para proteger redes Wi-Fi. Ao explorar essa falha, os hackers podem interceptar seu tráfego de internet, descriptografar os seus dados e até mesmo redirecioná-lo para sites maliciosos.

Quais versões do Windows estão afetadas?

A falha de segurança afeta as seguintes versões do Windows:

Como verificar se você está vulnerável?

Para verificar se seu sistema está vulnerável à falha de segurança, siga estes passos:

  1. Abra o menu “Iniciar” e digite “Verificação de Atualizações”.
  2. Clique em “Verificar se há atualizações”.
  3. Se a atualização de segurança para a falha de segurança no Wi-Fi (CVE-2023-42204) estiver disponível, ela será baixada e instalada automaticamente.

Como instalar a atualização de segurança?

Se a atualização de segurança não for instalada automaticamente, você pode instalá-la manualmente seguindo estes passos:

  1. Aceda ao site da Microsoft (https://support.microsoft.com/en-us/windows/update-windows-3c5ae7fc-9fb6-9af1-1984-b5e0412c556a)
  2. Clique em “Verificar se há atualizações”.
  3. Selecione a versão do Windows que você está usando.
  4. Baixe a atualização de segurança para a falha de segurança no Wi-Fi (CVE-2023-42204).
  5. Execute o arquivo baixado e siga as instruções no ecrã para instalar a atualização.

Outras medidas de segurança para proteger sua rede Wi-Fi

Além de instalar a atualização de segurança, é importante tomar outras medidas para proteger sua rede:

  • Utilize uma password forte e exclusiva para sua rede.
  • Ative a autenticação de dois fatores (2FA) no seu router, se disponível.
  • Mantenha o firmware do seu router atualizado.
  • Utilize uma rede VPN quando estiver em redes Wi-Fi públicas.

Conclusão

A atualização de segurança para a falha de segurança no Wi-Fi do Windows é crucial para proteger a sua rede e os seus dados. Siga as instruções acima para verificar se você está vulnerável e instalar a atualização o mais rápido possível.

Lembre-se: A segurança online é um compromisso contínuo. Mantenha-se informado sobre as últimas ameaças cibernéticas e pratique hábitos de segurança responsáveis ​​para proteger a si mesmo e aos seus dados.

Router NOS 10Gbps XGS-PON — F@st 5684 RF

Ligue-se ao Router NOS 10Gbps, o router que o permite ter velocidades até 10Gbps!

O Router com a tecnologia XGS-PON, permite velocidades ultra-rápidas10 vezes superiores face à geração anterior, e simétricas de download e upload. Permite agora ligar mais equipamentos à máxima velocidade, sem perdas de desempenho, reduções do consumo de energia e é construído em material 100% reciclado.

Router NOS 10Gbps


O novo Router com a tecnologia XGS-PON da NOS, permite velocidades ultra-rápidas, até 10GBps simétricos de download e upload.

Características:

— Fabricante: Sagemcom
— Modelo: F@st 5684 RF
— Tecnologia: FTTH XGS-PON

— WiFi 6 Dual Band (20/40/80/160MHz)
– 2.4GHz: 4×4 MIMO 802.11ax
– 5GHz: 4×4 MU-MIMO 802.11ax

— Portas
– 1 porta LAN 10Gbps (Ethernet)
– 3 portas LAN 1Gbps (Ethernet)
– 2 Entradas telefónicas
– 1 Porta USB 3.0 para ligar discos e dispositivos multimédia
– Conector CATV para ligação do cabo coaxial para serviço TV

— Botão de Reset
— Botão para Ligar/Desligar
— Botão para emparelhar Wi-Fi (WPS)


Router NOS 10Gbps


O Router 10Gbps apresenta 6 LEDs que identificam o estado dos serviços do router:

Router NOS 10Gbps


Até 10x mais velocidade: A net mais rápida de sempre, para fazer tudo num piscar de olhos.

Upload e download simétricos: Downloads e uploads à mesma velocidade, graças à ligação simétrica.

Mais equipamentos ligados: Equivalente a ter 10 equipamentos ligados a 1Gbps com possibilidade de mais equipamentos a outras velocidades.


Proporciona uma rede de alto desempenho com velocidades elevadas mesmo longe do router através de Wi-Fi 6 e inclui 3 portas Ethernet Gigabit e 1 porta Ethernet com suporte para equipamentos de 10Gbps e oferece:

Mais velocidade

A tecnologia XGS-PON permite agora alcançar velocidades até 10Gbps, mesmo em locais mais afastados do router ou com vários equipamentos ligados simultaneamente. O Router 10Gbps tem maior cobertura e menos interferências através da configuração MIMO 4×4 nas bandas 2.4GHz e 5GHz.

Mais eficiência

A tecnologia OFDMA aumenta a eficiência da Internet, tanto em uploads como em downloads. Além do mais o Wi-Fi 6 permite larguras de banda de 5GHz até 160 MHz, permitindo com esta configuração o dobro das velocidades às verificadas na configuração pré-definida (80MHz).

Menos latência

Através da modulação OFDMA há redução significativa da latência, em ambas as redes Wi-Fi – 2.4GHz e 5GHz. A nova tecnologia XGS-PON permite um melhor desempenho da internet, oferecendo uma melhor experiência gaming, streaming em 4k e 8k com maior qualidade e videochamadas sem quebra de velocidade.



Como ligar o router NOS 10Gbps:

  1. Ligue o cabo de fibra ótica ao router e à tomada de rede FTTH 
  2. Ligue o router à tomada elétrica
  3. Ligue o telefone à linha 1 (verde), utilizando o cabo telefónico
  4. Com o router instalado, ligue computador, tablet ou smartphone via Wi-Fi ou através de uma das portas LAN (Ethernet), utilizando um cabo de rede


Como configurar o PC, tablet ou smartphone:


Na base router encontra um QR code para a configuração da rede Wi-Fi. Em alternativa no PC, tablet ou smartphone procure a rede Wi-Fi disponível:

  1. Selecione o nome da rede Wi-Fi do router (veja a etiqueta no router com a informação do SSID).
  2. Introduza a password Wi-Fi (veja a etiqueta do router) ou utilize os seus dados, caso tenha personalizado a sua rede Wi-Fi.

Como posso trocar o meu router NOS atual pelo novo Router 10Gbps?

– O novo Router 10Gbps está disponível exclusivamente para os pacotes com velocidades superiores a 1Gbps.

Fonte: forum.nos.pt


PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

O que é o DHCP e para que serve?

No mundo da tecnologia de redes, gerir eficientemente endereços IP é essencial para garantir que todos os dispositivos conectados possam comunicar-se corretamente. É aqui que entra o Dynamic Host Configuration Protocol (DHCP), uma ferramenta fundamental para qualquer rede moderna. Este artigo explora o que é, como funciona e a sua importância na gestão de redes.

DHCP


O que é o DHCP?

O Protocolo de Configuração Dinâmica de Host, conhecido como DHCP, é um protocolo de rede que atribui automaticamente endereços IP e outras configurações de rede a dispositivos. Em vez de configurar manualmente cada dispositivo com um endereço IP único, o protocolo automatiza este processo, facilitando a administração da rede e reduzindo o risco de conflitos de endereço IP.

Como Funciona?

O DHCP opera através de um modelo cliente-servidor. Quando um dispositivo (cliente) se conecta à rede, envia um pacote DHCPDISCOVER para localizar um servidor disponível. Em resposta, o servidor DHCP envia um pacote DHCPOFFER, que contém um endereço IP disponível e outras configurações de rede. Posteriormente, o cliente responde com um pacote DHCPREQUEST, solicitando o endereço IP oferecido pelo servidor. Por fim, o servidor confirma a atribuição do endereço IP enviando um pacote DHCPACK ao cliente.

Este ciclo de comunicação garante que cada dispositivo na rede obtenha um endereço IP único e as configurações necessárias para se comunicar eficazmente.

Benefícios

Utilizar este protocolo traz vários benefícios significativos. Primeiramente, automatiza a atribuição de endereços IP, reduzindo a necessidade de intervenção manual e minimizando erros. Além disso, permite a administração centralizada de endereços IP e outras configurações de rede, facilitando a gestão. Ademais, melhora a eficiência na utilização de endereços IP, garantindo que os endereços não são desperdiçados.

Aplicações

O DHCP é utilizado em diversas situações. Em redes domésticas, o router geralmente funciona como servidor, gerindo automaticamente os endereços IP para todos os dispositivos conectados, como computadores, smartphones e dispositivos IoT. Em ambientes empresariais, o protocolo simplifica a gestão de grandes volumes de dispositivos, desde computadores e impressoras até smartphones e tablets, garantindo que todos têm um endereço IP único e válido. Hotspots públicos, como cafés e aeroportos, também dependem deste protocolo para gerir a atribuição de endereços IP aos dispositivos dos clientes, permitindo uma conexão rápida e sem complicações.

Melhores Práticas para Configuração

Para garantir um funcionamento eficiente, deve-se reservar endereços IP para dispositivos que requerem endereços IP estáveis, como servidores e impressoras. Ajustar o tempo de lease (período pelo qual um endereço IP é atribuído a um dispositivo) de acordo com a natureza da rede também é importante. Em redes com alta rotatividade de dispositivos, intervalos mais curtos podem ser mais eficientes. Implementar medidas de segurança para proteger o servidor contra ataques, como o uso de firewalls e a segmentação de rede, é igualmente essencial.

O Futuro do DHCP

Com o crescimento contínuo da Internet das Coisas (IoT) e a expansão das redes domésticas e empresariais, este protocolo continuará a ser uma tecnologia crucial. A sua capacidade de simplificar a gestão de endereços IP e configurações de rede fará com que continue a ser uma escolha preferida para administradores de rede em todo o mundo.

Em resumo, o Protocolo de Configuração Dinâmica de Host é uma ferramenta indispensável na gestão de redes modernas. Automatizar a atribuição de endereços IP e outras configurações de rede não só simplifica a administração da rede, mas também melhora a eficiência e reduz a possibilidade de erros. Portanto, compreender o que é este protocolo e para que serve é essencial para qualquer pessoa envolvida na configuração e manutenção de redes de computadores.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

Redes 5G Portuguesas Distinguidas pela Qualidade e Velocidade no MWC 24

O Mobile World Congress (MWC) 2024, realizado em Barcelona, ​​Espanha, de 26 a 29 de fevereiro, foi palco de grandes novidades no mundo da tecnologia móvel. Entre os destaques, as redes 5G Portuguesas foram distinguidas pela sua qualidade e velocidade.

redes 5G em Portugal


Reconhecimento internacional

A Ookla, empresa líder em testes de velocidade de internet, premiou Portugal com o “Speedtest Award” para a “Melhor Rede 5G Fixa da Europa”. Este prémio é um reconhecimento da qualidade e desempenho das redes 5G portuguesas, que se posicionam entre as melhores do mundo.

Velocidades impressionantes

A Ookla também divulgou os resultados de um estudo que mediu a velocidade das redes 5G em Portugal. O estudo revelou que as redes 5G portuguesas alcançam velocidades médias de download de 577 Mbps, o que coloca Portugal na 4ª posição a nível mundial.

Fatores para o sucesso

O sucesso das redes 5G portuguesas deve-se a diversos factores, como:

  • Investimento em infraestrutura: As operadoras portuguesas têm realizado um investimento significativo na construção de infraestrutura 5G.
  • Utilização de tecnologia de ponta: As redes 5G portuguesas utilizam as tecnologias mais avançadas disponíveis no mercado.
  • Espectro disponível: Portugal tem um dos maiores espectros 5G disponíveis na Europa, o que permite oferecer velocidades mais altas.

Impacto positivo na economia e sociedade

A qualidade e velocidade das redes 5G portuguesas trarão diversos benefícios para a economia e sociedade portuguesa, como:

  • Aumento da produtividade: As empresas poderão utilizar as redes 5G para desenvolver novas aplicações e serviços que aumentarão a sua produtividade.
  • Criação de novos empregos: A indústria 5G irá criar novos empregos em áreas como desenvolvimento de software, engenharia e design.
  • Melhoria da qualidade de vida: As redes 5G permitirão o desenvolvimento de novas aplicações e serviços que melhorarão a qualidade de vida dos cidadãos, como telemedicina, educação à distância e cidades inteligentes.

Conclusão

As redes 5G portuguesas são um exemplo de sucesso e representam um importante passo para o futuro do país. A qualidade e velocidade das redes 5G portuguesas trarão diversos benefícios para a economia e sociedade portuguesa, impulsionando o desenvolvimento e a competitividade do país.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

Wi-Fi HaLow: A Revolução da Conectividade Sem Fios

Enquanto o Wi-Fi 7 atrai toda a atenção como a última e mais rápida geração de Wi-Fi, uma tecnologia emergente está a ganhar terreno: o Wi-Fi HaLow. Esta especificação de tecnologia sem fios promete revolucionar a forma como nos conectamos e interagimos com dispositivos inteligentes e a Internet das Coisas (IoT).



O que é o Wi-Fi HaLow?

Wi-Fi HaLow é uma especificação de rede sem fios baseada no padrão 802.11ah. Diferente das redes Wi-Fi tradicionais, o HaLow foi projetado com foco na eficiência energética e no alcance estendido. Aqui estão alguns pontos-chave:

  1. Alcance Estendido: O Wi-Fi HaLow pode atingir distâncias de até 2,8 km sem interferências1. Isso o torna ideal para aplicações em áreas amplas, como quintas, cidades inteligentes e ambientes industriais.
  2. Baixo Consumo de Energia: O HaLow foi otimizado para dispositivos de baixa potência, como sensores IoT e dispositivos vestíveis. Ele consome menos energia, o que prolonga a vida útil da bateria.
  3. Penetração de Obstáculos: O sinal do HaLow tem melhor capacidade de penetração em paredes e obstáculos físicos, tornando-o adequado para ambientes complexos.

Aplicações Potenciais

O Wi-Fi HaLow pode ser usado em várias situações:

  1. Casas Inteligentes: Imagine uma casa onde todos os dispositivos, desde lâmpadas até eletrodomésticos, estão conectados sem fios. O HaLow pode tornar isso possível, mesmo em grandes residências.
  2. Monitorização Agrícola: Agricultores podem usar sensores HaLow para monitorar o solo, a irrigação e o gado em vastas áreas.
  3. Transporte Inteligente: Painéis de carros, sistemas de navegação e até mesmo veículos autônomos podem se beneficiar do Wi-Fi HaLow.

Conclusão

O Wi-Fi HaLow está a abrir novas possibilidades para a conectividade sem fios. À medida que a IoT continua a crescer, essa tecnologia promete agitar as coisas e tornar nossas vidas mais inteligentes e eficientes.



PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

5 dicas para melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi

A conectividade Wi-Fi é essencial nos dias de hoje, seja para trabalho, estudos ou entretenimento. No entanto, muitas vezes enfrentamos problemas com o sinal da rede Wi-Fi, o que pode ser frustrante e impactar negativamente nossa produtividade. Felizmente, existem algumas dicas que podem ajudar a melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi. Neste artigo, discutiremos cinco dessas dicas.

A primeira dica é posicionar o router corretamente. O local onde você coloca o router pode ter um grande impacto na qualidade do sinal Wi-Fi. É importante colocá-lo em um local centralizado, longe de obstáculos como paredes e móveis. Além disso, evite colocá-lo perto de dispositivos eletrônicos que possam interferir no sinal, como telefones sem fio e microondas.

A segunda dica é atualizar o firmware do router . Os fabricantes de router frequentemente lançam atualizações de firmware para melhorar o desempenho e a segurança do dispositivo. Verifique regularmente se há atualizações disponíveis para o seu router e instale-as. Isso pode ajudar a resolver problemas de conectividade e melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi.

A terceira dica é alterar o canal do router. O Wi-Fi opera em diferentes canais, e outros dispositivos próximos podem estar usando o mesmo canal, o que pode causar interferência e diminuir a qualidade do sinal. A maioria dos routers permite que você altere o canal manualmente. Experimente diferentes canais para encontrar o que oferece o melhor desempenho na sua área.

A quarta dica é usar um repetidor Wi-Fi. Se você tem uma grande casa ou escritório, pode ser difícil obter um sinal Wi-Fi forte em todos os cantos. Nesses casos, um repetidor Wi-Fi pode ser uma solução eficaz. Um repetidor Wi-Fi amplifica o sinal do router e o retransmite, estendendo o alcance da rede. Coloque o repetidor em um local onde ainda haja um sinal forte do router, mas que também cubra as áreas onde o sinal é fraco.

A quinta e última dica é usar uma antena externa. Muitos routers têm antenas internas, que podem limitar o alcance e a qualidade do sinal. Substituir a antena interna por uma antena externa pode melhorar significativamente o sinal da sua rede Wi-Fi. As antenas externas têm maior potência e direcionam o sinal de forma mais eficiente. Certifique-se de comprar uma antena compatível com o seu router e siga as instruções do fabricante para instalá-la corretamente.

Em resumo, melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi pode ser alcançado seguindo algumas dicas simples. Posicione o router corretamente, atualize o firmware, altere o canal, use um repetidor Wi-Fi e considere a instalação de uma antena externa. Essas medidas podem ajudar a resolver problemas de conectividade e garantir uma experiência Wi-Fi mais estável e rápida. Lembre-se de que cada ambiente é único, então pode ser necessário experimentar diferentes configurações para encontrar a melhor solução para o seu caso.

Como otimizar a posição do router para melhorar o sinal Wi-Fi

Como melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi
A qualidade do sinal Wi-Fi é essencial para garantir uma conexão estável e rápida em nossos dispositivos. No entanto, muitas vezes enfrentamos problemas de sinal fraco ou instável em nossa rede Wi-Fi doméstica. Felizmente, existem várias maneiras de melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi e otimizar a posição do router é uma delas.

A posição do router é um fator crucial para garantir uma boa cobertura de sinal em sua casa ou escritório. Colocar o router em um local estratégico pode fazer uma grande diferença na qualidade do sinal Wi-Fi. Aqui estão algumas dicas para otimizar a posição do router e melhorar o sinal Wi-Fi:

1. Centralize o router : Coloque o router em um local central em sua casa ou escritório. Isso ajudará a distribuir o sinal de forma mais uniforme em todas as áreas. Evite colocar o router em cantos ou próximo a paredes externas, pois isso pode limitar a cobertura do sinal.

2. Evite obstáculos: Certifique-se de que não haja obstáculos físicos entre o router e os dispositivos que você deseja conectar à rede Wi-Fi. Paredes, móveis e outros objetos podem interferir no sinal Wi-Fi. Tente posicionar o router em um local onde haja menos obstáculos entre ele e os dispositivos.

3. Mantenha o router longe de interferências: Evite colocar o router perto de dispositivos eletrônicos que possam causar interferência, como telefones sem fio, micro-ondas ou alto-falantes. Esses dispositivos podem afetar negativamente o sinal Wi-Fi. Mantenha uma distância segura entre o router e esses dispositivos para evitar interferências.

4. Posicione o router em uma altura adequada: Colocar o router em uma altura adequada pode ajudar a melhorar a cobertura do sinal. Tente colocá-lo em uma prateleira ou em uma mesa elevada, em vez de deixá-lo no chão. Isso ajudará a evitar obstruções e permitirá que o sinal se espalhe mais eficientemente.

5. Experimente diferentes ângulos: Às vezes, apenas mudar o ângulo do router pode melhorar significativamente o sinal Wi-Fi. Experimente girar o router em diferentes direções para encontrar a posição ideal que ofereça a melhor cobertura de sinal.

6. Use repetidores ou extensores de alcance: Se você ainda estiver enfrentando problemas de sinal fraco em algumas áreas da sua casa ou escritório, considere usar repetidores ou extensores de alcance. Esses dispositivos ajudam a ampliar o alcance do sinal Wi-Fi, permitindo que você tenha uma cobertura mais abrangente em toda a área.

7. Atualize o firmware do router: Verifique se o firmware do seu router está atualizado. As atualizações de firmware geralmente incluem melhorias de desempenho e correções de bugs que podem ajudar a melhorar o sinal Wi-Fi.

Ao otimizar a posição do router, você pode melhorar significativamente o sinal da sua rede Wi-Fi. Siga essas dicas e experimente diferentes configurações para encontrar a posição ideal que ofereça a melhor cobertura de sinal em sua casa ou escritório. Lembre-se de que a qualidade do sinal Wi-Fi também pode ser afetada por outros fatores, como a velocidade do seu plano de internet e a quantidade de dispositivos conectados à rede. Portanto, certifique-se de considerar esses fatores ao tentar melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi.

Melhores práticas para melhorar a velocidade e alcance do seu Wi-Fi

A conectividade Wi-Fi se tornou uma parte essencial de nossas vidas diárias. Desde o trabalho remoto até o streaming de filmes, a qualidade do sinal Wi-Fi pode afetar significativamente nossa experiência online. Se você está enfrentando problemas de velocidade e alcance em sua rede Wi-Fi, aqui estão algumas melhores práticas que podem ajudar a melhorar a situação.

Primeiro, é importante posicionar corretamente o seu router Wi-Fi. Colocá-lo em um local central da casa ou escritório pode ajudar a distribuir o sinal de forma mais uniforme. Evite colocar o router em cantos ou atrás de objetos metálicos, pois isso pode bloquear o sinal. Além disso, certifique-se de que o router esteja posicionado em uma altura adequada, preferencialmente em uma superfície elevada.

Outra prática importante é atualizar o firmware do seu router regularmente. Os fabricantes geralmente lançam atualizações de firmware para corrigir bugs e melhorar o desempenho do router. Verifique o site do fabricante regularmente para garantir que você esteja usando a versão mais recente do firmware.

Além disso, é recomendável usar uma senha forte para proteger sua rede Wi-Fi. Uma senha fraca pode permitir que outras pessoas acessem sua rede, o que pode afetar negativamente a velocidade e o alcance. Use uma combinação de letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais para criar uma senha segura.

Outra prática importante é evitar interferências de outros dispositivos eletrônicos. Dispositivos como telefones sem fio, micro-ondas e baby monitors podem interferir no sinal Wi-Fi. Certifique-se de posicionar o router longe desses dispositivos e evite colocá-los perto do router.

Além disso, é recomendável usar a frequência correta para o seu router Wi-Fi. A maioria dos routers modernos suporta tanto a frequência de 2,4 GHz quanto a de 5 GHz. A frequência de 2,4 GHz tem um alcance maior, mas pode ser mais suscetível a interferências. Por outro lado, a frequência de 5 GHz tem um alcance menor, mas oferece velocidades mais rápidas. Escolha a frequência que melhor atenda às suas necessidades e configure seu router de acordo.

Outra prática importante é otimizar as configurações do router. A maioria dos routers possui configurações que podem ser ajustadas para melhorar o desempenho. Por exemplo, você pode ajustar o canal Wi-Fi para evitar interferências de outros routers próximos. Além disso, você pode ajustar a largura do canal para obter uma melhor velocidade de conexão. Consulte o manual do seu router ou o site do fabricante para obter instruções específicas sobre como otimizar as configurações.

Por fim, é recomendável usar repetidores Wi-Fi ou extensores de alcance, se necessário. Esses dispositivos podem ajudar a estender o alcance do sinal Wi-Fi em áreas onde o sinal é fraco. Eles funcionam recebendo o sinal do router e transmitindo-o novamente, ampliando assim o alcance da rede.

Em resumo, melhorar o sinal da sua rede Wi-Fi pode ser alcançado seguindo algumas melhores práticas. Posicione corretamente o router, atualize o firmware regularmente, use uma senha forte, evite interferências de outros dispositivos eletrônicos, escolha a frequência correta, otimize as configurações do router e use repetidores Wi-Fi ou extensores de alcance, se necessário. Seguindo essas práticas, você pode desfrutar de uma conexão Wi-Fi mais rápida e confiável.

Precisa de assistência informática? Marque já aqui

Conhece a regra dos 30 centímetros? Pode ajudar a melhorar o Wi-Fi em sua casa

A regra dos 30 centímetros é um dos métodos utilizados para posicionar o router e melhorar o alcance da sua rede Wi-Fi doméstica. Esta é uma das coisas que deve ter em conta se quiser melhorar o seu sinal.

Hoje em dia, é normal ter vários dispositivos ligados à sua rede Wi-Fi em casa. Algumas pessoas têm um telemóvel e uma smart TV, mas também podem ter computadores portáteis, colunas inteligentes, aspiradores, tablets, dispositivos ligados à TV e muito mais. E, claro, todos estes dispositivos estão a competir entre si para utilizar o seu Wi-Fi.

Há várias formas de organizar estes dispositivos de modo a obter uma ligação estável. Pode alterar o canal Wi-Fi para utilizar o que estiver menos saturado pelos vizinhos da sua rede e pode organizar os seus dispositivos nas bandas Wi-Fi de 2,4 GHz e 5 GHz para que cada um utilize a que mais lhe convém.

Mas, mesmo assim, por vezes isto não é suficiente, simplesmente porque há aparelhos que conseguem ocupar mais espaço na rede. Para evitar isso, existe a regra dos 30 centímetros, que diz que os aparelhos ligados devem estar a uma distância mínima de 30 centímetros do router.

Por outras palavras, não é boa ideia deixar um dos seus dispositivos ligados ao Wi-Fi mesmo ao lado do router.

Dispositivos perto do router interferem na distribuição do Wi-Fi

Como Aman Bhatti, diretor de propostas da Sky Broadband, explicou ao The Sun, quando se tem um dispositivo ligado ao router, este copia a intensidade do sinal. Ao copiar e monopolizar o sinal, este dispositivo ligado ao Wi-Fi perto do router fará com que o sinal seja distribuído de forma menos uniforme e pior, criando interferências e afetando a velocidade de outros dispositivos.

Aqui, o que se deve ter em conta é que 30 centímetros é uma distância mínima, sendo aconselhável manter o dispositivo mais afastado para evitar mais interferências. Há mesmo aparelhos como as smart TVs em que se recomenda uma distância entre 1,5 e 1,8 metros.

Para além disto, lembre-se que existem muitas outras formas de amplificar o sinal Wi-Fi. Estas vão desde o local onde colocar o router para que o sinal seja melhor distribuído pela sua casa, à alteração do canal Wi-Fi, à escolha entre as bandas Wi-Fi de 2,4 GHz e 5 GHz ou à colocação das antenas. E se não forem suficientes, pode utilizar repetidores Wi-Fi ou outros aparelhos para o amplificar.

Fonte: pplware.sapo.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui