Pesquisar por:

WhatsApp prepara-se para revolucionar a forma como faz chamadas: nova interface para contactos não guardados

O WhatsApp, a popular plataforma de mensagens instantâneas, está a desenvolver uma nova funcionalidade que promete tornar as chamadas ainda mais fáceis e convenientes. A novidade, que ainda se encontra em fase de testes, permitirá aos utilizadores fazer chamadas para contactos que não estejam guardados na sua agenda telefónica.


Como funciona a nova interface?

A nova interface para chamadas para contactos não guardados será integrada na aplicação WhatsApp. Para a utilizar, o utilizador deverá seguir estes passos:

  1. Abrir o WhatsApp.
  2. Acessar o separador “Chamadas”.
  3. Tocar no ícone “+” localizado no canto superior direito da tela.
  4. Selecionar a opção “Novo contacto”.
  5. Introduzir o número de telefone do contacto que deseja chamar.
  6. Tocar no botão “Chamar”.

Com esta nova funcionalidade, os utilizadores poderão fazer chamadas para qualquer número de telefone, mesmo que não o tenham guardado na sua agenda. Isso pode ser útil em diversas situações, como quando se precisa de contactar um número de telefone que se encontrou num anúncio, numa página web ou até mesmo num bilhete.

Vantagens da nova interface:

A nova interface para chamadas para contactos não guardados oferece diversas vantagens aos utilizadores, tais como:

  • Praticidade: Permite fazer chamadas para qualquer número de telefone sem precisar de o guardar na agenda.
  • Economia de tempo: Elimina a necessidade de digitar o número de telefone manualmente antes de fazer a chamada.
  • Flexibilidade: Permite manter a sua agenda telefónica organizada, sem ter que adicionar contactos que apenas precisa de contactar uma vez.
  • Segurança: Permite fazer chamadas para números desconhecidos sem ter que os adicionar à sua agenda, o que pode ser útil para evitar fraudes e spam.

Disponibilidade da nova interface:

A nova interface para chamadas para contactos não guardados ainda se encontra em fase de testes e não está disponível para todos os utilizadores do WhatsApp. No entanto, a expectativa é que a funcionalidade seja lançada para o público em geral em breve.

Conclusão:

A nova interface para chamadas para contactos não guardados é uma adição valiosa ao WhatsApp que promete tornar as chamadas ainda mais fáceis e convenientes. Essa funcionalidade oferece diversas vantagens aos utilizadores, como praticidade, economia de tempo, flexibilidade e segurança. Com o lançamento da nova interface, o WhatsApp espera tornar-se ainda mais popular e utilizado por pessoas em todo o mundo.

PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

Encontre conversas no WhatsApp com mais facilidade: Novas funções de filtragem já disponíveis!

O WhatsApp, a popular plataforma de mensagens instantâneas, acaba de lançar uma nova funcionalidade que promete tornar a sua vida mais fácil: filtros de conversas. Com essa novidade, você poderá encontrar mensagens e conversas específicas de maneira rápida e eficiente, sem precisar rolar interminavelmente pela lista de chats.

Como funcionam os filtros de conversas?

Os filtros de conversas do WhatsApp permitem que você refine sua pesquisa por diversos critérios, incluindo:

  • Mensagens lidas ou não visualizadas: Encontre rapidamente as mensagens que você ainda não teve a chance de ler ou visualizar.
  • Grupos: Acesse diretamente as conversas em grupo que você mais utiliza.
  • Contatos com quem você mais conversa: Priorize as conversas com as pessoas que você mais se comunica.
  • Palavras-chave: Encontre mensagens que contenham palavras ou frases específicas.

Benefícios da nova funcionalidade:

  • Economia de tempo: Encontre o que você procura em segundos, sem precisar perder tempo navegando pela lista de chats.
  • Organização: Mantenha sua lista de conversas organizada e livre de mensagens irrelevantes.
  • Praticidade: Acesse rapidamente as mensagens importantes para você, sem precisar rolar interminavelmente pela tela.
  • Eficiência: Aumente sua produtividade ao encontrar as informações que você precisa de forma rápida e fácil.

Como usar os filtros de conversas:

Para usar os filtros de conversas no WhatsApp, basta seguir estes passos:

  1. Abra o aplicativo WhatsApp.
  2. Na tela principal, toque na barra de pesquisa.
  3. Digite o nome do contato, grupo ou palavra-chave que você deseja encontrar.
  4. Na parte superior da tela, toque nos filtros desejados.
  5. O WhatsApp exibirá uma lista de conversas que correspondem aos seus critérios de pesquisa.

Os filtros de conversas do WhatsApp são uma adição valiosa à plataforma, oferecendo aos usuários uma maneira mais rápida, fácil e eficiente de encontrar as mensagens e conversas que eles procuram. Experimente essa nova funcionalidade hoje mesmo e veja como ela pode te ajudar a economizar tempo e aumentar sua produtividade!


PC ASSISTE: Serviços de Assistência em Informática.

Precisa de assistência informática ao domicílio? Marque Já Aqui

Unir imagens em PDF com o UPDF: Guia Completo

Unir imagens em PDF é uma tarefa comum que pode ser necessária em diversas situações. Por exemplo, se o utilizador quiser combinar vários ficheiros de imagens para criar um único ficheiro PDF para álbum de fotos digital, para facilitar o armazenamento, para ajudar na organização, para partilhar um relatório com imagens, para criar eBooks ou até criar um manual de instruções. Neste artigo, vamos ensinar como juntar imagens em PDF de forma rápida e fácil com o UPDF.

Como unir imagens em PDF com o UPDF

O UPDF é um editor de PDF completo que oferece uma ampla gama de recursos, incluindo a capacidade de juntar imagens em PDF.

Então, para unir imagens em PDF com o UPDF, é simples e basta seguir as etapas:

  • Abra o UPDF e importe as imagens que desejar unir. Poderá fazer isso ao clicar na função “Combinar em lote” e selecionando as imagens que deseja.
  • Clique no botão “Aplicar”,
  • Selecione o local onde deseja guardar o PDF,
  • Clique no botão “Salvar”.
Como fazer para Juntar imagem num ficheiro PDF existente?
  • Abra o programa e selecione a opção “Abrir arquivo” para escolher o PDF desejado,
  • No modo de edição do PDF, selecione a opção “Imagem”,
  • Clique na posição em que deseja colocar. Em seguida, escolha a imagem no seu dispositivo para adicionar ao PDF.

E pronto, é assim de simples.

Por que é o UPDF é uma das melhores ferramentas para juntar imagens em PDF?

No fundo, podemos considerar o UPDF como sendo uma das melhores ferramentas para juntar imagens em PDF por vários motivos:

  • É fácil de usar, bastante intuitivo. As etapas para unir imagens em PDF com o UPDF são simples e diretas,
  • Oferece uma ampla gama de recursos. Além da capacidade de unir imagens, o UPDF também oferece uma ampla gama de outros recursos, como a edição de PDF, OCR, formulários em PDF e anotações em PDF,
  • É muito fiável e seguro. O UPDF é um software fiável e seguro, desenvolvido por uma equipa de especialistas,
  • Recursos mais avançados oferecidos pelo UPDF do que muitas das ferramentas similares no mercado,

Contudo, convém relembrar que além da capacidade de unir imagens, o UPDF também oferece uma ampla gama de recursos avançados, incluindo:

  • Editar PDF: O UPDF permite a edição de textos, imagens, tabelas e outros elementos em PDFs,
  • UPDF AI: neste caso, o sistema UPDF AI oferece uma variedade de recursos de inteligência artificial, como, por exemplo, traduzir o texto de documentos para outros idiomas em segundos, resumir documentos complexos e extensos rapidamente e explicar termos técnicos e difíceis em documentos corretamente,
  • OCR: O OCR permite converter imagens em texto editável, sendo possível aplicar as informações mais facilmente, fazer buscas por palavras-chave, alterar o conteúdo ou retirar trechos dele para usar em outro documento
  • Formulário em PDF: É uma excelente escolha se precisar de recolher e processar dados de documentos eletrónicos para distribuir, preencher, guardar, partilhar e imprimir. O UPDF não só lhe permite criar e preencher formulários em PDF , como também suporta o reconhecimento automático do conteúdo do formulário,
  • Fazer anotações em PDF: O UPDF abre a possibilidade de adicione notas, comentários e marcas de texto a PDFs.

Vantagens de usar o UPDF

Sem dúvida que utilizar o o UPDF para unir imagens em PDF oferece uma forte série de vantagens, que incluem factos tão simples como:

  • É rápido e fácil. Você pode juntar imagens em PDF com o UPDF em apenas alguns minutos.
  • É preciso. O UPDF garante que as imagens sejam combinadas com precisão e sem perda de qualidade.
  • É versátil. O UPDF pode ser usado para juntar uma variedade de imagens, incluindo fotos, capturas de tela e gráficos.
  • Benefícios da unir imagens num único PDF

Unir imagens num único PDF oferece uma série de benefícios, incluindo:

  • Organização. Um PDF unificado facilita manter as nossas imagens organizadas e localizadas,
  • Partilha e Impressão. É mais fácil partilhar ou imprimir um PDF unido do que um conjunto de imagens separadas,

Conclusão

Não obstante, podemos afirmar que o UPDF é uma das ferramentas mais perfeitas para unir imagens em PDF. É tão simples quanto fácil de usar com a vantagem de se apresentar com recursos avançados e um conjunto de benefícios.

Juntam-se, parece, todas as condições para quem necessita unir imagens em PDF, tornando o UPDF na opção preferida.

Promoção da BLACK FRIDAY do UPDF

Por último, ainda mais boas notícias. Assim, o UPDF iniciou uma promoção de Black Friday, onde qualquer utilizador pode obter 14 meses de subscrição do UPDF com a compra de qualquer um dos planos anuais. Isso significa que pode economizar, pelo menos, 67% no preço original da subscrição.

Para aproveitar esta promoção, clique aqui para obter o desconto exclusivo e selecione o plano do UPDF que desejar. Desconto garantido!

Fonte: pplware.sapo.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui

How to TEK: Conversas e dados do WhatsApp vão começar a pesar na conta Google. Saiba como gerir o backup

A partir de dezembro todos os dados de partilha de mensagens, fotos e vídeos do WhatsApp passam a contabilizar no espaço disponível na conta pessoal da Google.

A Google e o WhatsApp anunciaram uma alteração importante sobre o backup de dados a ter efeito a partir de dezembro. Todos os dados armazenados nos smartphones Android (mensagens, fotografias ou vídeos) passam a contabilizar no limite de armazenamento de cada conta do utilizador. Ou seja, a Google oferece 15 GB para armazenamento de dados, onde se incluem os emails do Gmail, os documentos, Fotos ou ficheiros do Drive.

Até aqui, os dados armazenados do WhatsApp não entravam para estas contas, mas a partir de dezembro é mais um elemento que deve considerar na gestão do espaço. A mudança começa a fazer efeito na versão WhatsApp Beta em dezembro e depois gradualmente nos restantes utilizadores de Android no início de 2024.

Isso significa que desde que tenha espaço livre, tudo continua na mesma, mantendo-se o funcionamento do backup dos ficheiros do WhatsApp. Quando atinge o limite, será necessário libertar espaço para resumir os backups, apagando conteúdos que não lhe interesse. Pode, obviamente, comprar mais espaço livre à Google, aumentando os limites para além dos 15 GB.

Se o seu problema é falta de espaço na conta Google, pode consultar um anterior How To para o ajudar a libertar ficheiros, tais como fotografias ou vídeos. Mas também poderá apagar ficheiros diretamente do WhatsApp, o que liberta também o espaço na cloud. Mas também pode cancelar os backups do WhatsApp para a cloud da Google e com isso evitar que a rede social contribua para o peso na conta.

Saiba como alterar as definições de backup no WhatsApp:

  • 1 – Entre no WhatsApp, toque nos três pontinhos no canto superior direito e aceda às definições.
  • 2 – Deslize para baixo e escolha a opção “Armazenamento e Dados”
  • 3 – Escolha a primeira opção “Gerir Armazenamento”.
  • 4 – A aplicação vai fazer um diagnóstico rápido do espaço que os ficheiros do WhatsApp ocupam no armazenamento.
  • 5 – Considere apagar ficheiros que foram assinalados como “reencaminhados” muitas vezes. Estes ficheiros são por norma memes ou coisas engraçadas que podem facilmente acumular-se no equipamento quando se participa em grupos ou em partilhas de amigos e família.
  • 6 – O sistema também filtra quais os ficheiros que ocupam mais de 5 GB para ajudar a libertar.
  • 7 – Por fim, verifique as conversas ou grupos onde estão a maioria dos ficheiros mais pesados.
  • 8 – Ao selecionar uma dessas conversas vai ver todos os ficheiros que estão a ocupar espaço. Pode apagar um a um ou selecionar todos.
  • 9 – Para desativar a cópia de segurança na conta Google, regresse às definições e escolha a opção “Conversas”.
  • 10 – Deslize para baixo e escolha a opção “Cópia de Segurança”.
  • 11 – Aqui pode ver as informações sobre a última cópia de segurança, criar uma nova cópia. Mas o que tem de fazer é tocar em “Copiar para o Google Drive”. Por defeito deve ter semanalmente.
  • 12 – Altere para Nunca. A partir daqui os dados apenas se mantêm no equipamento.

Fonte: tek.sapo.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui

Em breve poderá remover o Edge, Bing e mais apps do Windows 11, mas com uma condição

Uma das grandes queixas do Windows 11 e de outras versões é a quantidade de apps da Microsoft instaladas. Estas não são usadas por todos, mas ficam presas ao sistema. Em breve isso poderá mudar de cenário no Windows 11, graças a uma medida da União Europeia, associada à Lei dos Mercados Digitais no Espaço Económico Europeu.

Já todos nos habitámos a ver no Windows 11 as muitas apps da Microsoft. Estas não são muitas vezes usadas e ficam apenas presentes por estarem agregadas e dependentes do sistema operativo. Não é o desejado, mas é algo a que os utilizadores se habituaram.

Isso terá em breve de mudar, graças a uma das medidas mais importantes da União Europeia nos últimos anos. A Lei dos Mercados Digitais no Espaço Económico Europeu irá obrigar a mudanças em muitos serviços, prometendo sempre manter a privacidade dos utilizadores no centro das suas ações.

A Microsoft avançou agora a informação de que quer também o Windows 11 a ser compatível com esta medida da União Europeia e por isso fará alterações. De todas, a mais visível está associada às apps presentes no sistema e à possibilidade de as remover de forma definitiva.

As mudanças permitirão que os PCs nos mercados da UE desinstalem o Microsoft Edge, desabilitem o Bing no Windows Search e desliguem o feed de notícias da Microsoft e os anúncios no Widgets Board. A empresa garante também que o Windows 11 reconhecerá os padrões do utilizador e permitirá que desinstalem quase todas as apps integrados do sistema operativo.

A única questão aqui é que não será um processo aberto a todos. Apenas os utilizadores no espaço da União Europeia vão ter acesso a esta possibilidade. No caso de Portugal esta será uma certeza e por isso os nossos utilizadores vão estar abrangidos por esta alteração.

Estas mudanças vão ser lançadas numa versão de testes do Windows 11 no Insider Beta Channel nas próximas semanas e estarão disponíveis no início do próximo ano. A Microsoft afirma que o Windows 11 será totalmente compatível com a Lei dos Mercados Digitais no Espaço Económico Europeu até 6 de março de 2024.

Fonte: pplware.sapo.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui

Grande atualização da Google Play Store para combater malware: Descubra tudo!

“O Google está a reforçar os requisitos para apps na Play Store, visando aumentar a segurança Android. Agora, novas contas de desenvolvedor terão que testar a app com pelo menos 20 pessoas durante duas semanas.”

Google torna mais rigorosa a aprovação de aplicações na sua Play Store

A Google está a tomar medidas enérgicas contra as inúmeras aplicações sub-par na sua Play Store. Este é o seu esforço mais recente para demonstrar que leva muito a sério as questões relacionadas com segurança do Android. Esta semana, a Google anunciou requisitos mais rigorosos para os programadores seguirem, caso queiram que as suas aplicações estejam disponíveis ao público nos melhores telefones Android, através da Play Store.

Mudanças nas políticas de teste antes de publicar uma nova aplicação

No passado, um desenvolvedor tinha a opção de testar a sua app no Play Console, a plataforma de gestão, teste e relatórios para aplicações Android listadas na Play Store. No entanto, a Google alterou essa regra. Agora, novos contas de programador terão que testar a aplicação com pelo menos 20 pessoas, durante um mínimo de duas semanas, antes da sua autorização na Play Store. Essa exigência começará a ser implantada em breve.

Benefícios das novas políticas para os utilizadores e programadores

Essa mudança permitirá aos programadores recolher mais feedback sobre possíveis falhas e problemas de segurança, que poderão ser corrigidos antes da publicação final da aplicação. A Google afirmou que os programadores que utilizam as suas ferramentas de teste apresentam, em média, três vezes mais instalações em comparação com os que não o fazem. Além disso, esses programadores registam maior envolvimento nas suas aplicações e jogos.

Mais segurança contra adware e apps maliciosas

Recentemente, a Google também apresentou um novo distintivo de Revisão de Segurança Independente na Play Store. Esse distintivo indica quais as aplicações que passaram por uma auditoria bem-sucedida de Avaliação de Segurança de Aplicações Móveis (MASA). Este processo permite aos desenvolvedores terem suas aplicações validadas por entidades independentes, seguindo padrões globais de segurança e privacidade mobile.

Conclusão

A Google está a demonstrar o seu compromisso para proporcionar uma experiência de utilizador aprimorada, reforçando a qualidade e segurança das aplicações na sua loja virtual. Estas mudanças farão com que os programadores tenham uma maior responsabilidade sobre as suas aplicações, incentivando a produção de apps de maior qualidade. Recorde-se sempre de procurar pelo Badage de Revisão de Segurança Independente ao descarregar uma nova aplicação e dar preferência às soluções de segurança confiáveis, como a Protecção do Google Play e os melhores antivírus Android do mercado.

Fonte: androidgeek.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui

Grande má notícia se utiliza o WhatsApp no Android

O Google e o WhatsApp anunciaram hoje uma mudança que não vai deixar os utilizadores satisfeitos. É que o chat do WhatsApp e as cópias de segurança de conteúdos multimédia no Android “começarão a contar para o limite de armazenamento na cloud a partir de dezembro de 2023”.

Grande má notícia se utiliza o WhatsApp no Android

Ou seja, tudo isto terá impacto nos 15 GB de armazenamento gratuito incluídos em cada Conta do Google, que a empresa fez questão de observar explicitamente que é “3 vezes mais do que a maioria das plataformas móveis”. Esta é uma reversão face à decisão de 2018, quando os backups do WhatsApp deixaram de contar para o armazenamento do Google Drive.

Entretanto esta mudança afeta já no próximo mês os utilizadores do WhatsApp Beta. Depois chega a “todos os utilizadores Android a partir do início do próximo ano”.

Se atingir o seu limite de armazenamento, terá de libertar espaço para retomar as cópias de segurança, removendo os itens de que não precisa.

O Google já oferece ferramentas de gestão de armazenamento para excluir rapidamente fotos e outros ficheiros grandes que estão a tirar espaço no Google Fotos. Outra sugestão é a eliminação de itens do WhatsApp, “reduzindo assim o armazenamento utilizado pela sua próxima cópia de segurança”.

Entretanto a outra alternativa é obter mais armazenamento com o Google One.

Para ajudar na transição, a Google vai oferecer aos utilizadores elegíveis promoções limitadas e únicas no Google One.

Estas alterações, que começam a ser implementadas em dezembro, aplicam-se às Contas Google pessoais.

Dito isto, se tiver uma subscrição do Google Workspace através do trabalho ou da escola, a sua quota de armazenamento não é afetada neste momento.

Numa altura em que os conteúdos multimédia ocupam cada vez mais espaço isto é sem dúvida uma má notícia. É que a maioria das pessoas já têm as suas contas Google praticamente cheias.

Fonte: leak.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui

‘Golpe de seis dígitos’: autoridades alertam para novo esquema criminoso no Whatsapp

A polícia espanhola alertou para um novo golpe da aplicação Whatsapp conhecido como ‘Golpe de seis dígitos’, que pode fazê-lo perder o controlo da sua conta e comprometer a sua identidade. A aplicação da Meta é uma das mais populares a nível mundial e, portanto, tornou-se um dos principais alvos de ataques cibernéticos de criminosos: quanto mais pessoas tiver, maior a probabilidade de sucesso do ataque.

Apesar dos esforços da Meta para adicionar ferramentas e funções para proteger a identidade e segurança dos utilizadores, os ataques sucedem-se na plataforma. No entanto, muito destes não dependem de defesas cibernéticas mas sim do conhecimento dos utilizadores: registam-se cada vez mais ataques cibernéticos que se baseiam em engenharia social, revelou o jornal espanhol ‘El Economista’.

E em que consiste o ‘Golpe de seis dígitos’?

De acordo com as autoridades espanholas, foi detetada nas últimas semanas uma campanha que consegue bloquear ao cesso dos utilizadores à sua própria conta do Whatsapp, que posteriormente é utilizada para falsificar as identidades.

O golpe começa com uma mensagem de um amigo ou conhecido do utilizador, em aparência: ou seja, escrevem a partir da conta dessa pessoa a fazer-se passar por esta. A mensagem informa que acidentalmente forneceu o seu número de telemóvel e que o utilizador vai receber um código de verificação e que, quando chegar, deve avisar.

Sendo um amigo ou familiar, o utilizador entrega o referido código: o que equivale a dizer que o cibercriminoso garantiu a chave de acesso à conta WhatsApp e , dessa forma, pode bloquear o acesso e perder o controlo do perfil.

A partir daqui, podem pegar no perfil e utilizá-lo para cometer crimes e golpes em nosso nome: podemos mesmo fazer-se passar pelo utilizador e realizar o mesmo golpe com os restantes dos contactos.

Fonte: executivedigest.sapo.pt

Precisa de assistência informática? Marque já aqui